quinta-feira, 31 de maio de 2012

Você quer uma antena bem baratinha, que faça VHF e UHF em 1 só cabo?



Bem, para você que deseja uma antena de VHf e UHF em um só cabo, bem baratinha e que faz bonito, seja para colocar no seu QTH rural ou ou na sua casa de praia, ou ainda para ter mais uma opção, fique ligado!

Ja faz algum tempo que eu via o anúncio dessa antena e namorava ela. Mas honestamente, sempre tive uma certa desconfiança desse tipo de configuração. Analisando a coisa, com certeza funcionaria, mas dificilmente achei que atingira mesmo os 3db de ganho, mesmo porque a mecânica da montagem e o material iriam fazer a diferença.

Recentemente pensei em construir uma antena de UHF (homebrew), mas a maldita preguiça já arraigada na minha alma não permitia começar... lembrei do anúncio e cogitei a comodidade de adquirir essa, pois além de ser muito barata, eu poderia usar um rádio dual band e não precisaria comutar entre as antenas, já que já tenho um VHF com uma antiga e excelente antena Hustler.

A primeira surpresa ficou por conta do fabricante, que também é o vendedor. Pessoa de educação acima da média, com excelente comunicação e disposto a colaborar em todo o processo. Faz o envio por transportadora e o material vem tão bem embalado que foi até difícil de abrir o pacote.

Como o foco era principalmente escuta entre VHF e UHF, improvisei uma montagem básica com um cabo RG-213 até bem antigo e ficou baixinha.
O que se passou a seguir foi outra surpresa... ligando o rádio e comparando com a Hustler, a recepção era muito parecida e na hora de transmitir ela fez bonito, executou logo de cara um ponto à ponto de média/longa distância com quase o mesmo rendimento da Hustler. Legal, né?

Bem, a antena em questão é uma VHF/UHF Open Stub J-Poles, com elementos em alumínio de ótima qualidade e base em inox, um trabalho primoroso feito em Curitiba pelo Luis Theossi (PU5-TLC).

Quem se interessou, basta procurar pelo nome dele na net ou no QRZ. Não coloco o email dele aqui, porque não gosto de fazer isso sem autorização.






terça-feira, 29 de maio de 2012

Osciloscópio Leader LBO-524 40Mhz


Esse é um excelente aparelho, fabricado ainda no Japão

Nesse exemplo aí, ele em cima de um LT1070 (conversor dc-dc), aonde entram 5V e sai 12Vdc.

Esse osciloscópio tem um recurso que eu particularmente gosto muito, que é a iluminação reticular. Isso é muito bom para leitura.

Fotos:



segunda-feira, 21 de maio de 2012

video

REALISTIC PRO-2005 E O FAMOSO SATÉLITE BOLINHA


     O que se denomina aqui no Brasil de "Satélite Bolinha", ou "Bolinha Sat", é na verdade um grupo de  satéltes de uso da marinha americana, UHF SatCom , Inmarsat e FleetSatCo. Eles começaram a entrar em uso a partir de 1986. A partir do ano de 2000, algumas pessoas que julgavam que a marinha dos Eua não fazia mais uso desses satélites, fabricaram conversores para rádios VHF e começaram a usar clandestinamente os mesmos.
     Não demorou para que o uso fosse feito por madereiros, pessoas ligadas às FARCS e ao tráfico de drogas em alguns países. Em determinado momento a Polícia Federal Brasileira efetuou uma operação para apreender transceptores ilegais fabricados por raioamadores antigos, que os vendiam para clandestinos.
     Depois de muito tempo a coisa acalmou, mas até hoje você pode escutar os clandestinos fazendo uso desses satélites. A frequência mais usada é 255.550.
     O uso clandestino de satélites é crime previsto na Lei Geral de Telecomunicações, e os envolvidos poderão responder processo que prevê pena de dois a quatro anos de prisão, além de pagamento de multa.

segunda-feira, 14 de maio de 2012



O que acontece quando você deixa cair algum líquido em cima do notebook?

Bom, a resposta e simples:

Depende do líquido, mas qualquer que seja ele, o resultado será praticamente o mesmo... Muito trabalho!
Com certeza se o notebook não parar no momento, em algum momento ele vai parar.

Eu tenho por hábito de beber 1 litro de mate gelado por dia, mas nessa época do ano, nao gosto de beber gelado o dia todo, então, algumas vezes, eu coloco o copo de mate ao lado da saída de ventilação do notebook para quebrar um pouco o gelo.
Porém esses dias o mate havia acabado e minha esposa trocou a jarra de mate por suco de uva. Como de costuma, peguei um copo de suco de uva e deixei quebrar o gelo ao lado do note... porém em um momento de descuido, esbarrei com a mão esquerda no copo e Puft! direto no teclado do notebook.

Na mesma hora deliguei o aparelho, virei de cabeça para baixo e já vio o suco de uva saindo... apesar de não ter derramado muita quantidade, suco de uva integral é extremamente ácido. Como tinha trabalho e precisava continuar, sequei o que foi possível, dei um jato de ar e deixei para abrir depois. Porém nada do aparelho ligar de novo...

Acabei meu trabalho no desktop e mais tarde a situação era a mesma, ele não ligava. Por fim, não tinha como fugir do trabalho. Desmontei o aparelho com carinho, pois adoro ele e na minha opinião é um dos melhores modelos que a sony já produziu, o VGN-FZ250AE. Tirei o HD, as memórias, o gravador de DVD, a placa de wi-fi, teclado, processador, coller, dissipador, o bluetooth, placa mãe, etc.

Depois de tudo desmontado, peguei a placa mãe, as memórias, as demais placas e coloquei dentro de um balde com água e detergente neutro. Enquanto isso limpei o resto todo. Depois dei alguns jatos de água com o sabão nas placas com auxílio de um compressor.

A etapa seguinte, foi secar com muito ar frio e quente as placas e demais peças. Foram mais de 5 horas de trabalho sem parar até a montagem total.

O resultado foi que depois de uma semana estou escrevendo esse post aqui com ele.

Abaixo uma foto da desmontagem parcial. Alguns são mais simples de desmontar, outros mais chatinhos como esse.